logo
Whatsapp Chat
Envie uma mensagem que lhe retornarei tão logo seja possível.
Menu Fechar
pt Portuguese

O que é probabilidade e como ela é usada na vida cotidiana?

Probabilidade é a área da matemática que estuda o fenômeno da incerteza.

Compartilhar:

probabilidade

O que é uma probabilidade?

É a área da matemática que estuda o fenômeno da incerteza. Como podemos determinar se um evento é improvável, improvável ou certo de acontecer? A probabilidade fornece uma ferramenta para quantificar a incerteza e fazer previsões sobre eventos futuros. Ela é usada em várias áreas da vida cotidiana, desde jogos de azar e seguros até  decisões médicas e compra de ações.

Ela também fornece uma medida sobre a ocorrência de um evento em particular. Um exemplo comum é a do azar. Se você ganhou na roleta, sua probabilidade de ganhar na roleta novamente é de 0,5, ou 50%.

Se uma pessoa toma um anti-inflamatório todos os dias, sua probabilidade de sofrer um derrame nos próximos 12 meses é de 0,0002, ou 0,2%.

Qual dessas probabilidades é maior?

As duas são comparáveis. Uma diz respeito ao evento em particular (gerar o número um na roleta) e a outra a um evento específico (sofrer um derrame). Para comparar probabilidades relativas a eventos específicos, usa-se um padrão de milhões ou bilhões. Portanto, 0,5 é 50 milhões inferior a 0,0002.

Uma probabilidade também pode fornecer uma estimativa sobre o quão provável é que um evento aconteça numa variedade de situações.

Por exemplo, você pode calculá-la para dizer qual é a probabilidade de uma doença específica, utilizando informações sobre milhões de pessoas.

Por outro lado, você pode calcular quão provável seria uma pessoa com uma determinada doença sofrida morrer com ela, usando dados específicos de um pequeno número de pessoas.

Assim, você pode tomar decisões baseadas em probabilidades. Uma vez que a probabilidade de um evento específico é menor do que 1,0, quando esta estiver acima de 1,0, você deverá agir.

Por exemplo, suponhamos que uma amostra aleatória de leitores deste artigo mostre alta probabilidade de que desenvolverão diabetes. Portanto, é altamente recomendado que esses leitores verifiquem se eles realmente têm diabetes e, se fosse o caso, começar a tratar a doença.

Um agente penitenciário que sofre um ataque cardíaco está em 1 em cada 5 mil. Por outro lado, um homem sem histórico familiar de doenças cardíacas está entre 1 ataque cardíaco a cada 10 mil — o que diminui suas chances consideravelmente.

Probabilidade e estatística: o que há em comum entre elas

Uma e outra são duas áreas de matemática que estão intimamente relacionadas. A primeira estuda o que pode acontecer em um determinado evento, enquanto a segunda analisa os dados que são coletados a partir de um evento. A  primeira é usada para calcular a chance de um evento ocorrer, enquanto a segunda é usada para analisar os dados coletados após o evento ocorrer.

Mas e quando a probabilidade for zero de um evento acontecer, a estatística nesse caso fica inoperante?

Há sempre uma probabilidade diferente de zero de um evento ocorrer, portanto, a estatística é sempre aplicável.

Probabilidade quando a ordem importa

Então, uma probabilidade diz que algo pode acontecer. Quando falamos sobre a probabilidade de um evento, estamos falando sobre a possibilidade de o evento acontecer. A probabilidade de um evento acontecer geralmente é representada como um número entre 0 e 1, onde 0 significa que o evento definitivamente não acontecerá e 1 significa que o evento definitivamente acontecerá.

No entanto, às vezes a ordem dos eventos pode afetar a probabilidade de algo acontecer. Por exemplo, se você estiver jogando uma moeda, a chance de tirar cara é 1/2. Mas se já deu cara para você, então a chance de obter outra cara é 1/3.

Então  para que você possa avaliar a probabilidade de um evento em um contexto específico, você precisa saber qual é o estado atual. Saiu “uma cara” (1/2), então o estado atual é que “já deu cara”.

Então, como resumir isso tudo?

Bem-vindo (a) ao ramo da probabilidade estatística!

É fácil esquecer que, quando falamos de probabilidade, estamos falando sobre a chance de algo acontecer depois de tudo. Um jogador de pôquer melhor do que você vai lembrá-lo disso. Mas às vezes, esquecer disso pode lhe deixar ir na direção errada.

A ideia de que gostamos de testar nossas habilidades (ou sorte) nos negócios é bem mais profunda do que nós simplesmente aprovarmos ou reprovemos um plano de negócios. Quer dizer, se temos 50 por cento de chance de ganhar em um jogo, por  que ir em frente? Mas se temos 50 por cento de chance de descobrir se um plano de negócios é bem-sucedido — é realmente um erro pensar que isso é suficiente.

A probabilidade pode ajudá-lo a decidir se um plano de negócios deve ou não ser executado, mas não irá dizer qual plano de negócios você deve escolher entre várias opções. Enquanto aquela pode falar sobre o risco, ela não diz tudo sobre retorno. Então, para decidir se devemos ir em frente com um projeto — e em que proporções — vamos precisar de métricas que vão além de possibilidades, já que no exemplo podemos estar jogando com nossos fundos ou o futuro de uma empresa.

A probabilidade também nos ajuda a avaliar informações complexas através de um único número, tornando tarefas como avaliar projetos potencialmente muito mais digeríveis. Por exemplo, podemos dizer que 50 por cento é o risco de um negócio e 100 por cento é o retorno esperado. Podemos então somar as variações de  retorno esperado para os vários projetos e ver qual projeto tem a maior probabilidade de sucesso, considerando toda a informação que importa.

Ela também nos ajuda a medir o tamanho de uma oportunidade — em outras palavras, quanto dinheiro podemos rascunhar se houvesse uma chance determinada de sucesso. Na prática, isso significa que você pode usá-la para estimar o tamanho potencial de uma oportunidade e compará-la com outras opções.

Probabilidade quando a ordem não importa

Há muitas situações na vida em que a ordem em que as coisas acontecem não importa. Por exemplo, ao jogar uma moeda, a ordem de cara e coroa não importa. Dizemos que a probabilidade de lançar uma moeda e obter cara é de 50%. Se a ordem importasse, então aquela subiria para 100%, já que teríamos apenas uma maneira de obter cara e depois coroa.

Outro exemplo é ao tirar cartas de um baralho. A probabilidade de tirar um ás é de 4/52, independentemente de qual carta é sacada primeiro. A ordem das cartas no baralho não importa.

O que é provável de quantificar nessas situações significa o quão provável é que algo aconteça, podendo ser considerado um indicador da não-identidade.

Onde nasceu ou surgiu a probabilidade

As origens da probabilidade não são completamente claras, mas é provável que tenha surgido da necessidade de quantificar a incerteza.

Os primeiros humanos provavelmente enfrentaram muita incerteza em suas vidas, desde o clima até a possibilidade de predadores, e precisavam desenvolver maneiras de lidar com isso.

Com o tempo, eles provavelmente desenvolveram vários métodos de prever e lidar com eventos incertos.

O desenvolvimento da teoria da probabilidade pode ter sido uma extensão natural disso. Permitiu que as pessoas quantificassem o risco de certos eventos e tomassem decisões de acordo.

Essa teoria evoluiu consideravelmente desde então, mas suas raízes estão provavelmente na necessidade de lidar com a incerteza.

Probabilidade de ganhar na mega sena

Não há uma maneira infalível de ganhar a mega sena, mas há certas coisas que você pode fazer para aumentar suas chances.

Primeiro, tente escolher números que sejam significativos para você de alguma forma. Aniversários e números da sorte são boas escolhas.

Em segundo lugar, tente evitar escolher números que já foram sorteados recentemente.

Terceiro, não escolha números que estejam todos no mesmo intervalo, como 1-10 ou 20-30. Em vez disso, misture-os para aumentar suas chances de ganhar.

Por fim, lembre-se de que quanto mais bilhetes você comprar, maiores serão suas chances de ganhar. Portanto, não tenha medo de gastar um pouco mais. Com um pouco de sorte, você pode ser o próximo grande vencedor.

Você seria então parte da estatística dos ganhadores da mega sena, fazendo-o lembrar que tudo começou nas chances pequenas de ganhar e acabou na sorte grande de um digno sortudo! (com o perdão da exclamação)

Conclusão

Em resumo, probabilidade é um conceito matemático chave que nos ajuda a entender o mundo ao nosso redor e fazer previsões sobre o futuro. Ela é usado em uma variedade de campos, da medicina ao financeiro, e pode ser uma ferramenta útil em nossas vidas cotidianas. Ao compreender os fundamentos dela, podemos tomar melhores decisões, evitar potenciais armadilhas e ter uma melhor compreensão das chances de certos eventos ocorrerem. Nada mau hein?

Cover for Letras Criativas ponto com
24
Letras Criativas ponto com

Letras Criativas ponto com

Negócios digitais como meios ou soluções para empreendedores, empresas e pessoas de modo geral.

Comments Box SVG iconsUsed for the like, share, comment, and reaction icons
Carregar mais

Fique Conectado

Conteúdo sempre atualizado