logo
Whatsapp Chat
Envie uma mensagem que lhe retornarei tão logo seja possível.
Menu Fechar
pt Portuguese

Produção de conteúdo em um canal no Youtube é bom para meu negócio?

Compartilhar:

canal no YouTube

Canal no Youtube para mostrar o que você faz

Existem alguns motivos pelos quais a produção de conteúdo pode estar em risco em 2022. Em primeiro lugar, há a questão das fake news, que fez com que as pessoas fossem mais cautelosas com o que consomem. Além disso, há o surgimento de serviços de streaming como Netflix e Amazon, que tornaram mais fácil para as pessoas assistirem o que quiserem, quando quiserem. Isso fez com que as pessoas passassem menos tempo assistindo aos canais tradicionais de TV, o que teve um impacto negativo no mercado publicitário.

Assim, segundo dados levantados, o consumo de conteúdo na internet cresceu 60 vezes em 15 anos.
O tempo que usuários da internet passaram lendo conteúdo impresso diminuiu 12% em relação a 2021, enquanto o tempo gasto lendo conteúdo online aumentou 125% na mesma década.
Por isso, é natural que as empresas comecem a investir mais nesta área, dado o grande retorno sobre o investimento que ela pode trazer. E também porque ela é um meio excelente para uma marca se  apresentar, dada a sua grande apresentabilidade.

Mas como fazer seu conteúdo ir além?

Existem várias formas de você poder levar o seu conteúdo para ficar além da sua  audiência atual.
Dispor de um canal no YouTube totalmente seu é um passo de grande importância.
Hoje em dia, produzir um canal no YouTube é tão fácil quanto abrir um site e clicar no botão “começar”.
Há outras opções, também, como o Twitch, Medium, Facebook TV, Netflix… a lista é interminável. Mas vamos ficar no mais famoso até essa data: o canal no Youtube.

Sobre a escalabilidade

Mas quando você precisa de um canal de vídeo fechado  e interativo, o impacto do seu conteúdo não vai muito além da sua audiência inicial.
A maior parte das sugestões que veremos aqui vai aumentar o engajamento de seus usuários atuais e, com isso, o impacto do seu conteúdo. Por isso, é tão importante medir o retorno sobre o investimento que está colocando no seu canal no YouTube se for o caso. Aqui fica valendo que quanto mais você investir, maior será  o retorno.
A boa notícia é que é muito fácil medir o YouTube, já que ele disponibiliza muitos dados sobre a audiência do seu canal. Mas existem outros canais onde você também pode medir o retorno sobre o investimento (ROI), como o Twitch, onde as coisas são bem diferentes e, claro, haverá um processo mais lento de maturar sua audiência. Mas quanto à pergunta se é possível fazer um bom investimento, a resposta é sim.
Algumas maneiras para você usar como baliza na medição de seu canal no YouTube incluem verificar:
  • Inscritos no canal;
  • Visualizações;
  • Engajamento;
  • SEO;
  • Taxa de conversão.

Investimento em canal do YouTube

Sua empresa já se viu em dúvidas e indecisa com relação ao seu foco de atividades? Por exemplo, quando tivemos as grandes crises econômicas, muitas empresas de construção civil teriam se questionado  sobre o investimento em canais de vídeo. Afinal, ninguém quer construir casas no momento em que a economia está em queda!
A construção de casas é um negócio que tem uma média de vida dos materiais entre 15 e 20 anos. Logo, o investimento em canais de vídeo, onde as empresas precisam estar preparadas para escalar com muito volume de inscritos e visualizações, pode ser um risco. Assim, uma forma de testar uma nova área é fazer um investimento pequeno em primeiro lugar. Assim, se as ações pequenas derem um bom retorno, você pode investir mais. Se não, é hora de empacar e focar em outras coisas.
Ao planejar o seu orçamento de canais de vídeo, primeiro analise quais atividades estão dando retorno e, consequentemente, onde deveria investir maior volume de dinheiro. Ou seja, não coloque todos os ovos na mesma cartola. Planeje bem as ações e intensifique aquelas que estão dando retorno. Para isso, utilize uma ferramenta de análise, pois ela fará todo o trabalho de rastreamento das ações para você. Faça um orçamento padrão para a maioria das atividades e um estratégico de investimento para as que mais deram retorno. Assim, em um ou dois anos, você terá um canal de vídeo bem-sucedido.

Você precisa de peixe para pescar

 Assim como qualquer outra estratégia de marketing digital, é preciso peixe para pescar. Ou seja, precisa escolher um nicho onde você terá um retorno e onde a empresa já possua conhecimento. Caso contrário, as coisas podem piorar. Por isso, peça a ajuda de especialistas na área que você quer explorar. Há empresas nas quais existe uma área exclusiva para canais de vídeo. Porque existem especialistas neste nicho e você não vai conseguir fazer tudo sozinho. Não subestime o poder do conteúdo! Seja ele uma revista, uma árvore genealógica ou um conteúdo  tutorial. Você pode investir em conteúdo cronológico (histórico) ou conteúdo baseado em estratégias (testes, guias e etc). Mas cuidado: o conteúdo para um canal de vídeo não é algo que se faça em dois, três dias. É preciso planejar bem as estratégias e a linguagem para seu público. Para isso, é preciso experimentar vários formatos de vídeo.

Um canal de vídeo vai beneficiar o meu negócio?

O investimento em um canal no YouTube não apenas aumenta a percepção como marca, mas também melhora a reputação da empresa. Um canal de vídeo é um dos itens mais maleáveis do marketing digital, já que você pode criar interações com o público, construir uma reputação e aumentar a autoconfiança da marca.
Um canal no YouTube também é uma ferramenta incrível para reunir  informações sobre o negócio. Você pode usar dados recolhidos em vídeos anteriores para melhorar o desempenho do negócio. Por exemplo, você percebeu que um formato de vídeo atrai mais público do que outro. Desta forma, você pode ajustar as estratégias de vendas para um canal de vídeo e melhorar a performance da empresa. Na prática, é como se você tivesse um novo negócio, apenas com maior reputação e menor custo de operação.
Há também uma outra forma fácil e rápida de criar um canal de vídeo: usar plataforma de afiliação (como LinkShare, Pay PerPost, HeapApp e etc.) e publicar conteúdo sobre produtos que já estão no mercado. Desta forma, você pode usar o canal de vídeo para prospectar clientes para uma empresa parceira por exemplo.
Mais um ponto a favor do investimento em um canal de vídeo: você pode aumentar as vendas e reduzir os custos com publicidade. Um levantamento realizado pelo Salesforce mostra que empresas com canal de vídeo gastam menos com publicidade, pois conseguem atingir um público maior e manter as pessoas interessadas. Outro benefício encontrado foi a possibilidade de aumentar as  vendas, já que as marcas conseguem mostrar sua autenticidade e construir relacionamentos com clientes atualmente.
Sim, como tudo na vida, existem dificuldades para se fazer isso ou aquilo, mas no caso de criar um canal no YouTube, se você não for dono de uma grande empresa, invista em sua engenhosidade e garra. Veja que não existe uma grande empresa por detrás de um canal de vídeo do tipo “humorístico”. Um canal de vídeo humorístico não precisa de orçamento, apenas uma câmera, um microfone e uma boa ideia. Além disso, não há regras no YouTube e seu canal pode se tornar um grande sucesso, apenas com publicidade estrita.

Que tipo de conteúdo incluir no seu canal no Youtube

Os tópicos a serem incluídos em um canal no YouTube podem variar muito dependendo do tipo de canal. No entanto, alguns tópicos que podem ser abordados podem ser:
  • Revisão de produtos;
  • Dicas e conselhos;
  • Vídeos de instruções;
  • Notícias de entretenimento;
  • Aconselhamento de moda;
  • Comida e culinária;
  • Resenhas de filmes.
A produção de conteúdo é um dos melhores passos para ter sucesso na internet. Agora, se você quer começar a produzir conteúdo, há vários tipos de postagens que você pode fazer. Que tipo de conteúdo você produzirá no seu canal no YouTube? Lembre-se de passar uma boa impressão e construir relacionamentos com seus clientes atuais e potenciais.

Promova seu canal de vídeo para obter o máximo de atração

Existem algumas maneiras de promover seu canal no YouTube para obter o máximo de atração.
Uma maneira é fazer um ótimo vídeo que seja interessante e informativo. Certifique-se de usar um título e uma miniatura interessantes para atrair os espectadores. Você também pode compartilhar seu vídeo nas mídias sociais e outros sites para obter mais exposição.
Além disso, você pode usar publicidade paga para alcançar um público mais amplo. Usando uma variedade de métodos, você pode aumentar as chances de que seu vídeo seja visto por mais pessoas.

Resumindo…

Um canal no YouTube é um meio pelo qual os usuários podem visualizar conteúdo enviado por outros usuários. Os canais de vídeo podem ser públicos ou privados, e os usuários podem se inscrever para ser notificados sobre novos vídeos enviados por canais específicos. Os canais de vídeo podem ser usados para transmitir qualquer tipo de conteúdo, incluindo vídeos ao vivo, transmissões ao vivo, comentários sobre vídeos, reviews de produtos, vídeos educativos, entre outros. Existem mais de 1 bilhão de usuários que enviaram canais de vídeo na plataforma YouTube, e cerca de 12 bilhões de vídeos são publicados nesta plataforma todos os dias. É claro que o formato do canal de vídeo está muito presente na internet e, portanto, é importante que você saiba como utilizá- lo e aproveitá-lo para o seu benefício.

 

Cover for Letras Criativas ponto com
24
Letras Criativas ponto com

Letras Criativas ponto com

Negócios digitais como meios ou soluções para empreendedores, empresas e pessoas de modo geral.

Comments Box SVG iconsUsed for the like, share, comment, and reaction icons

Como melhorar a visibilidade do meu blog ... See MoreSee Less

Comment on Facebook

Carregar mais

Fique Conectado

Conteúdo sempre atualizado