logo
Whatsapp Chat
Envie uma mensagem que lhe retornarei tão logo seja possível.
Menu Fechar
pt Portuguese

7 coisas para você apimentar a sua coreografia com um toque tupiniquim

Aqui estão algumas dicas sobre como adicionar um toque brasileiro à sua coreografia.

Compartilhar:

coreografia

Como adicionar um toque brasileiro à sua coreografia

Se você deseja adicionar um pouco de tempero à sua rotina de dança, por que não tentar adicionar alguns movimentos brasileiros? O Brasil é o lar de algumas das danças mais apaixonadas e sensuais do mundo, por isso não é de admirar que sejam tão populares. Aqui estão algumas dicas sobre como adicionar um toque brasileiro à sua coreografia:

1. Comece com o básico. A coisa mais importante ao aprender qualquer nova dança é aprender os passos básicos. Para as danças brasileiras, isso significa aprender os passos básicos do samba. Depois de tê-los, você pode começar a adicionar outros movimentos.

2. Deixe seus quadris falarem. As danças brasileiras têm tudo a ver com movimento e energia  do seu núcleo, portanto, certifique-se de usá-lo a seu favor. Especificamente, tente dançar com rolagens e ondulações exageradas.

3. Use percussão corporal. Além do movimento, as danças brasileiras usam muita percussão corporal. A melhor maneira de incorporar isso em sua coreografia é começar com um passo básico e, em seguida, adicionar movimento com as mãos e/ou quadris para combinar com a batida.

4. Olhe para a dança do terraço. Esta forma única de dança originou-se na França, mas tornou-se particularmente sinônimo da cultura brasileira. A dança do terraço envolve basicamente a execução de movimentos à beira de uma multidão, semelhantes às margens do rio Sena, em Paris, onde se originou. Para simular isso em sua rotina, reúna seus amigos em um círculo e faça com que cada um execute movimentos separados enquanto enfrenta seus amigos.

5. Abrace a sensualidade. Uma característica das danças brasileiras é a sensualidade que é incorporada em cada movimento. Se você está dançando samba, avance com os quadris e chame a atenção para o seu traseiro. Com o bailão popular, deixe sua coluna se curvar e saltar para cima enquanto você estala e sacode seu bumbum.

6. Seja criativo. Existem inúmeros estilos de dança que se originaram no Brasil, então não há limite para a criatividade que você pode mostrar em sua coreografia. Se você realmente quer se destacar, tente incorporar elementos de capoeira por exemplo.

7. Cante junto. Uma das melhores maneiras de melhorar o seu gosto pelas danças brasileiras (e qualquer dança, na verdade) é aprender as letras das músicas que acompanham a dança. Cantar junto o ajudará a acompanhar seu ritmo e a combinar seus movimentos com a batida da música, o que, por sua vez, fará você se sentir feliz e confiante enquanto dança.

Dançar é um exercício de saúde

Dançar é um ótimo exercício de saúde. É uma forma de cardio de baixo impacto que pode ajudar a melhorar sua saúde cardiovascular geral.

Além disso, dançar pode ajudar a melhorar seu equilíbrio e flexibilidade, bem como sua coordenação.

Dançar também é uma ótima maneira de reduzir o estresse e melhorar sua saúde mental.

Coreografia é a arte de criar danças. É frequentemente usado em performances, competições e programas de condicionamento físico.

A dança saudável é uma forma de exercício que pode melhorar sua saúde física e mental.

Quando esses dois elementos são combinados, pode criar um treino divertido e benéfico para todos os níveis de dançarinos.

A coreografia pode ser usada para tornar a dança mais desafiadora e interessante.

Também pode ser usada para destacar os pontos fortes dos dançarinos.

A dança saudável é uma ótima maneira de ficar em forma e saudável. Como dito, ela ajuda a melhorar o equilíbrio, a coordenação e a flexibilidade.

Quando a coreografia e a dança saudável são combinadas, pode criar um treino agradável e benéfico para todos os níveis de dançarinos.

Tipos de coreografia

Existem muitos tipos diferentes de coreografia, cada um com seu próprio propósito e estilo. Alguns dos tipos mais populares são:

  • lírico
  • contemporâneo
  • clássico
  • hip-hop
  • jazz

Conhecer alguns dos termos mais comuns e suas definições ajudará a garantir que uma pessoa se sinta à vontade para trabalhar com um coreógrafo para garantir que seu estilo de dança e performance sejam refletidos com precisão no palco.

O samba como coreografia

O samba é uma dança brasileira que se caracteriza por sua batida rápida e movimentos sensuais.

Muitas vezes é realizado no Carnaval, mas também pode ser visto em outros ambientes, como casas noturnas.

O samba é uma dança ótima para assistir e melhor ainda para participar. Se você está procurando uma dança divertida e sensual para aprender, não procure mais, tente o samba.

O samba é uma dança brasileira que se originou no estado da Bahia. A dança é caracterizada por seu ritmo rápido e movimentos sensuais.

O samba é tipicamente dançado com música animada com uma assinatura de tempo de 4/4, similar ao do cha cha cha.

O Samba também apresenta uma série de giros, voltas e quedas.

O samba é tradicionalmente dançado por pares de dançarinos, mas também pode ser dançado sozinho.

Quando dançado solo, o samba é muitas vezes executado com muita energia e talento.

Os sambistas solitários costumam fazer uso de adereços como guarda-chuvas ou chapéus para adicionar ao espetáculo visual de sua performance.

Resumindo…

Dá para ver então que há muitas maneiras de adicionar um toque brasileiro à sua coreografia, sendo o samba um dos ritmos preferidos dos brazucas.

Quem sabe ao usar essas dicas, você possa adicionar um pouco de tempero ao seu dia a dia e à sua dança, claro, podendo assim realmente impressionar seu público. Então seja criativo e divirta-se!

Cover for Letras Criativas ponto com
24
Letras Criativas ponto com

Letras Criativas ponto com

Negócios digitais como meios ou soluções para empreendedores, empresas e pessoas de modo geral.

Comments Box SVG iconsUsed for the like, share, comment, and reaction icons
Carregar mais

Fique Conectado

Conteúdo sempre atualizado