logo
Whatsapp Chat
Envie uma mensagem que lhe retornarei tão logo seja possível.
Menu Fechar

Qual é a diferença entre uma intenção e um objetivo?

A intencionalidade está sempre ligada ao que queremos naquele momento, aqui e agora. Já os objetivos estão ligados a um desejo futuro.

Compartilhar:

intencionalidade

A intencionalidade está sempre ligada ao que queremos naquele momento, aqui e agora. Já os objetivos estão ligados a um desejo futuro e, geralmente, passam por um planejamento para serem alcançados.

Por exemplo, na área de carreira e de vida imagine duas pessoas que se conhecem e começam a conversar sobre seus objetivos.

A primeira, Carolina, está a trabalhar como autônoma há pouco tempo e espera se tornar sócia de uma empresa de consultoria financeira até o fim do ano.

A segunda, Gabriel, pretende fazer uma pós-graduação e mudar de área de atuação na empresa onde está inserido desde o início da carreira profissional.

Para Carolina, os objetivos claramente estão ligados a metas próximas e de fácil alcance. Já Gabriel está apontando metas mais distantes e que exigirão muito esforço e persistência.

Para Carolina, o que importa é uma intenção, o desejo de se tornar sócia da empresa em que está inserida como microempresária. Já Gabriel, tem como objetivo um plano bem mais amplo, que inclui mudança de área e pós-graduação.

A intencionalidade

Há muitas maneiras de pensar e definir a intencionalidade, mas uma maneira de pensá-la é como o processo de trazer os resultados desejados por meio da ação.

Isso inclui não apenas o resultado desejado em si, mas também as etapas ou ações necessárias para alcançá-lo.

Assim, por exemplo, se alguém tem a intenção de fazer um bolo, não só precisa querer que o bolo saia bem, mas também precisa seguir uma receita e colocar os ingredientes corretos no bolo.

Há sempre algum grau de incerteza quando se trata de alcançar os resultados desejados, mas a intencionalidade exige que tomemos medidas com o objetivo de alcançar esses resultados.

Intencionalidade discursiva

A intenção discursiva é o uso proposital da linguagem para alcançar um efeito desejado. É a capacidade de usar palavras estrategicamente para influenciar ou persuadir os outros.

Isso pode ser feito em comunicação escrita ou falada, e é uma ferramenta útil em muitas situações diferentes.

Por exemplo, se você estiver tentando vender um produto, precisará usar a intenção discursiva para convencer os clientes em potencial a comprá-lo.

Alternativamente, se estiver fazendo uma apresentação, você pode usar a intenção discursiva para tornar seu argumento mais convincente.

Em qualquer situação em que você esteja tentando influenciar outra pessoa, entender e ser capaz de usar a intenção discursiva pode ser muito útil.

Intencionalidade textual

A intenção textual é uma característica importante da escrita eficaz. A intenção textual é a mensagem que o autor pretende transmitir ao leitor.

É importante que os autores estejam conscientes de suas intenções ao escreverem, pois isso irá influenciar a forma como eles constroem seus argumentos.

Ao considerar a intenção textual, os autores devem ter em mente o propósito da mensagem e o tipo de leitor que irá recebê-la.

A intenção textual determina a abordagem e o tom da mensagem.

Um texto com uma intenção persuasiva exigirá uma abordagem diferente do que um texto com uma intenção informativa.

Veja os exemplos abaixo, todos com intenções distintas:

  • Quero convencer meu professor a me dar um melhor desempenho.
  • Quero informar meu professor sobre o que eu aprendi nesta semana.
  • Quero motivar meu professor a trabalhar mais duro.

Intencionalidade pedagógica

A intencionalidade pedagógica é o planejamento proposital de atividades educativas, a fim de promover a aprendizagem do aluno. Baseia-se na crença de que os professores precisam ser intencionais em seu planejamento para apoiar efetivamente o aprendizado dos alunos.

O ensino intencional exige que os professores sejam claros sobre suas metas e objetivos para cada aula e criem atividades que estejam alinhadas com essas metas.

Quando os professores são intencionais em seu planejamento, eles são mais propensos a criar uma experiência de aprendizagem envolvente e eficaz para seus alunos.

Intenção e objetivo: se andam juntos podem produzir excelentes frutos

As melhores intenções e objetivos são aqueles que andam de mãos dadas.

Quando você tem uma intenção clara e é capaz de articular seu objetivo, é muito mais provável que você alcance o sucesso.

Quando sua intenção está focada e seu objetivo é atingível, os dois podem produzir excelentes resultados.

Quando você quer algo o suficiente, você toma uma ação inteligente para obtê-lo.

Nossas intenções são o que guiam nossas ações e conduzem nosso comportamento.

Se nossa intenção é atingir um determinado objetivo, é mais provável que tomemos as medidas necessárias para que isso aconteça.

No entanto, se não tivermos clareza sobre o que queremos, provavelmente acabaremos não tomando nenhuma ação.

De qualquer forma, nossas intenções têm um impacto profundo no caminho que tomamos na vida.

Conclusão

Concluindo, podemos então resumir que a principal diferença entre uma intenção e um objetivo é que uma intenção é um desejo ou uma vontade de fazer algo, enquanto um objetivo é um resultado específico que se deseja alcançar. Além disso, as intenções tendem a ser vagas e subjetivas, enquanto os objetivos são geralmente mais específicos e mensuráveis. Assim o negócio é usar ambas para alcançar sucesso em nossa jornada na terra.

Cover for Letrascri
306
Letrascri

Letrascri

Publicações e conteúdos digitais para diferentes suportes. Negócios digitais para o seu negócio

Comments Box SVG iconsUsed for the like, share, comment, and reaction icons
Carregar mais

Fique Conectado

Conteúdo sempre atualizado

Translate »